TSE aprova instruções destacando uniformização do horário das eleições, regras para pesquisas e início do calendário eleitoral a partir de 1 de Janeiro